Dia de reparos em Cordeirópolis após chuvas

Na manhã desta quarta-feira (13), a vice-prefeita Fatima Celin, o secretário de Serviços Públicos, Nivaldo Menezes e o secretário de Obras, Marcelo Coghi, foram até os locais para auxiliar nas ocorrências causadas pelas fortes chuvas que caíram em Cordeirópolis.

Nivaldo Menezes e Fátima Celin, inclusive, trabalharam na madrugada de ontem ao lado da Defesa Civil, Corpo de Bombeiros e Guarda Civil Municipal para mapear as áreas de mais urgência e emergência.

Segundo o Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais, (Cemaden), foram registrados 113 milímetros de chuva em Cordeirópolis.

Neste último final de semana (sábado e domingo), Cordeirópolis já havia registrado fortes pancadas de chuva, causando muita sujeira em ruas e avenidas e fez com que os servidores da Prefeitura trabalhassem intensamente na segunda-feira (11) para reparar os danos.

Entre as ações emergenciais, está a operação “pós-chuvas”, que envolve a limpeza de vias públicas, poda de árvores, roçagem e reparos de asfalto e lombadas, além dos serviços de desobstrução de bueiros. “Por janeiro e fevereiro registrarem grande quantidade de chuvas em nossa cidade, já deixamos uma equipe preparada para realizar os trabalhos de limpeza em diversos pontos do município. É uma ação importante que minimiza os efeitos da chuva”, lembrou o secretário de Serviços Públicos, Nivaldo Menezes.

A Secretaria de Serviços Públicos alerta a população sobre o lixo que é jogado de forma inadequada na rua. Segundo o secretário, durante essas limpezas são encontrados vários tipos de materiais como resíduos de construção, sacolas plásticas e embalagens de todos os tipos. “Estes resíduos provocam diversos problemas e, um deles, é a obstrução dos bueiros impedindo o escoamento da chuva, causando grandes transtornos aos próprios moradores”, destacou Menezes.

Compartilhe esta notícia, escolha sua plataforma preferida!