Em Iracemápolis, equipe atua na Represa Boa Vista para solucionar problema no odor da água

Captação na cidade hoje ocorre somente por meio da Represa Municipal e redução no consumo é essencial para abastecimento

Na manhã desta terça feira de Carnaval, as equipes de Água e Esgoto realizam uma importante ação com o objetivo de solucionar o problema do odor na água relatado por munícipes. A ação ocorre na Represa Boa Vista e, neste momento, a cidade está sendo abastecida somente pela Represa Municipal.

Na última semana, a Prefeitura ressaltou que a razão do odor era devido ao aumento no nível da represa, após baixa devido ao período de estiagem. Com a elevação, a adutora passou a puxar o lodo do fundo da represa. Nesta ação de hoje, ocorre a redução no cano com objetivo de puxar a água que está mais na superfície.

A equipe está empenhada desde as primeiras horas da manhã visando a solução do problema relatado pela população.

FALTA DE CHUVAS

Essa é mais uma situação imposta pela crise hídrica. Devido à falta de chuvas, o município deixou de usar a Represa Iracema que está em recuperação após baixa. Com o problema do lodo, a Boa Vista não está sendo utilizada até a solução.

Situação registrada pela imprensa local. De acordo com reportagem publicada no Jornal Gazeta de Limeira, chuvas em fevereiro ficaram 48% abaixo do esperado. Na edição de segunda-feira, o telejornal EPTV 1 divulgou que a cidade de Iracemápolis está com 63% de chuvas abaixo do esperado e Limeira está em 48%, também abaixo. Ao longo de todo 2021, a cidade teve 46% de chuvas abaixo do esperado, conforme estudo já divulgado pela Prefeitura.

“Há meses temos conversado com a população sobre os problemas causados devido à crise hídrica e que têm sido noticiados pela imprensa. O uso da água de maneira consciente é fundamental para que não ocorra a falta. Da parte de nossas equipes, temos feito todos os esforços para solução dos problemas que estão sendo relatados, mas precisamos contar com o apoio de todos”, destaca a prefeita, Nelita Michel.

FALHAS EM EQUIPAMENTOS OCASIONAM FALTA DE ÁGUA

Além da redução nas chuvas, no final de semana e segunda-feira, foram registrados problemas técnicos que também resultaram na falta de abastecimento em bairros.

Houve queima de registro no Bairro Alvorada, dois disjuntores no sistema do Bairro Carolina Ometto e problemas em uma bomba na ETA . As equipes estão atuando de maneira rápida visando a solução e promover o abastecimento.

Compartilhe esta notícia, escolha sua plataforma preferida!